O claro céu chileno e o colorido da Via Láctea

ceu do deserto atacama

O céu do Atacama, vasto deserto chileno, é um dos mais belos do mundo. Tanto que aqui existe um dos maiores observatórios astronômicos do mundo, aproveitando a clareza do céu que passa cerca de 300 dias por ano sem chuvas e sua posição no planeta. Existem outros diversos observatórios no Chile, como o Cerro Tololo e o Paranal. Eles atraem milhares de visitantes todos os anos que buscam observar a imensidão da galáxia e do colorido noturno.

Abaixo transcrevemos as informações sobre os observatórios chilenos, com fins turísticos e científicos.

  • Cerro Tololo: De alto nível científico, está localizado a 87 km ao leste de La Serena e a 2.200 mt sobre o nível do mar. Tem oito telescópios e um radiotelescópio. Conta com guias em espanhol e inglês para fazer um tour de aproximadamente duas horas. Cada tour é para 50 pessoas e as visitas devem ser marcadas com um mês de antecipação ao telefone (56) 51-205200.
  • La Silla: Está localizado na comuna de La Higuera, 156 km ao norte de La Serena e a mais de 2.400 metros sobre o nível do mar. Possui 14 telescópios ópticos de espelhos de até 3,6 metros de diâmetro e um radiotelescópio de 15 metros. Seu equipamento faz com que seja um dos maiores e mais modernos centros internacionais de observação astronômica. Cada tour dura três horas e a reserva deve ser feita pelo menos com um mês de antecipação, ao telefone (56) 2-4633280 ou no e-mail recepstg@eso.org.
  • Observatório Turístico Mamalluca: Criado em Vicuña por iniciativa do Clube de Aficionados à Astronomia, e materializado graças ao apoio do município da localidade, da companhia Capel, do governo regional, da comunidade e do Observatório Interamericano de Cerro Tololo. Os tours começam às 18:30 em horário de inverno e às 20:30 em horário de verão, todos os dias do ano. As reservas podem ser feitas ao telefone (56- 51)-411352, 411352 ou por e-mail a mamalluca@munivicuna.cl. Maior informação em www.mamalluca.org.
  • Observatório Turístico Pangue: Localizado a 18 quilômetros de Vicuña, tem programas para o público geral, como o Tour Astro, que dura duas horas; e também para aficionados que queiram realizar suas próprias observações, utilizando os telescópios sem restrições de tempo. As reservas podem ser feitas ao telefone (56-51) 543810.
  • Observatório Turístico Collowara: Pertence à municipalidade de Andacollo e está localizado a 1.300 metros sobre o nível do mar, na cima do morro Churqui. Conta com poderosos telescópios Schmidt Cassegrain de 14 polegadas, uma sala de projeções para conferências e três terraços de observação direta em forma de cruz olhando ao oriente. A visita dura duas horas e é possível coordená-la por telefone ao (56-51) 432964 ou no e-mail contacto@collowara.cl.
  • Observatório Turístico Cruz Del Sur: É um dos maiores centros de astro-turismo da América do Sul e está localizado na localidade de Combarbalá, ao sul de Ovalle. O projeto foi impulsado pelo município de Combarbalá e o Planetário da Universidade de Santiago do Chile. Conta com cúpulas e domos de observação com telescópio de 16 polegadas e salas de exposição. O escritório onde é possível comprar os tickets está localizado no módulo 12 do Bairro Artesanal, localizado em caminho El Peralito sem número, Combarbalá. Telefone (56-53) 7418 54. Maior informação em www.observatoriocruzldesur.cl
  • Observatório Turístico Cerro Mayu: Localizado a 30 quilômetros de La Serena, nasceu como uma iniciativa do sacerdote Juan Picetti. Conta com um telescópio Schmidt Cassegrain Meade LX200, de 14 polegadas, e recebe aos visitantes de segunda-feira a sábado, entre as 20:30 e as 22:30. Para maior informação e reservas, chamar ao telefone (56-51) 51-224508, 212024, ou escrever a informaciones@cerromayu.cl.
  • Paranal: Encontra-se na localidade de Taltal, ao sul de Antofagasta e a 2.635 metros sobre o nível do mar. É operado pelo Observatório Europeu Austral (ESO) e possui o Very Large Telescope Project (VLT, literalmente Telescópio Muito Grande), que é um sistema de quatro telescópios ópticos separados rodeados de vários instrumentos menores. As visitas turísticas são realizadas os dois últimos sábados de cada mês, desde as 14:00 horas. A quantidade de visitantes que recebem é limitada e as reservas podem ser feitas ao telefone (56) 55-281291 ou por e-mail a sstrunk@eso.org.
  • Observatório Astronômico Andino: Localizado na capital do Chile, no quilômetro 8 do caminho a Farellones, a 20 minutos da zona oriente de Santiago, a 1.240 metros sobre o nível do mar no setor pre-cordilheirano. Conta com uma cúpula principal com três telescópios, um terraço de observação e salas de reuniões equipadas com meios audiovisuais. Na sua cúpula e no seu terraço, os visitantes poderão fazer observação noturna através de nove telescópios, e observação diurna através de três telescópios solares com filtro de Hidrogeno Alfa, o que permite apreciar detalhes do sol. Entre os objetos que é possível observar estão galáxias, nebulosas, cúmulos estelares, estrelas e planetas. As reservas são feitas ao telefone (56) 2-215 14 59 ou ao e-mail info@oaa.cl. Informação em www.oaa.cl

Em busca das melhores histórias, lugares, curiosidades e figuras históricas que marcaram a trajetória da Espanha ao longo destes séculos e milênios.

468 ad

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>