A exuberante ilha espanhola La Gomera

Este é um recanto de belas paisagens onde a natureza se expressa singularmente em seu “lago de nuvens”, em seus densos bosques úmidos de laurisilvas e sua fauna. Não somente por sua riqueza natural, La Gomera, uma das sete ilhas do arquipélago das Canárias, lhe espera com muitas lembranças para levar pra casa como, por exemplo, o modo único de seus habitantes se comunicarem.
Para proteger seu patrimônio natural, foi fundado o Parque Nacional de Garajonay, uma grande área coberta de mistérios que leva o nome do pico da ilha que remonta uma antiga lenda do povo originário da ilha  que fala de dois enamorados, Gara e Jonay, que ao saberem-se na condição de viverem separados , decidiram morrer juntos no ponto mais alto da ilha, hoje conhecido por Garajonay.
A ilha também faz parte da história de descoberta das américas quando Cristóvão Colombo fez sua última escala antes de descobrir o novo mundo em 1492.

 
O grande lago de nuvens
La Gomera é uma ilha de formação vulcânica e na cratera do seu extinto vulcão se forma um forte nevoeiro e é justamente abaixo deste que se encontra a sua densa e úmida mata. Pelos mirantes você ainda pode ter a impressão de estar por cima das nuvens.
 
A receita certa de La Gomera
Quem vai à La Gomera não pode voltar sem provar alguns de seus pratos e sabores, como o almogrote , um pate levemente picante feito do queijo típico da ilha ralado, pimenta vermelha, alho e azeite de oliva extra virgem. Seus vinhos são distintos e são consumidos com carnes grelhadas de porco ou cabrito.
 
O famoso Silbo Gomero
Podemos chamars os moradores da ilha de “passarinhos” pelo seu curioso meio alternativo de comunicação. O Silbo Gomero é um antigo idioma de assobios praticado pelos aborígenes que habitavam a ilha. O idioma sobreviveu após a colonização no século XVI sendo adaptado para o espanhol. Hoje o idioma é tido como obra-prima do patrimônio oral e imaterial da humanidade pela UNESCO e inclusive é ensinado nas escolhas.
O silbo gomero possibilita a comunicação entre os moradores através de grandes distâncias. Dependendo da direção do vento, o assobio pode ser escutado até 2 km de distância. Esta é uma de suas maiores peculiaridades culturais e você ao visitar a ilha não pode deixar de ouvir isto. Veja no vídeo uma pequena história no idioma de La Gomera.

A vista de La Gomera do mar

Ao visitar a ilha você deve fazer um passeio marítmo e apreciar seus grandes barrancos. O ponto mais famoso a ser observado é o grande órgão de tubos formado por rochas vulcânicas.


posts Relacionados

O Museu de Cera de Madri

Em Madri existe o Museu de Cera, um dos diversos existentes na Europa,...

Os curiosos carnavais da Espanha

Uma herança das antigas tradições pagãs que celebram o fim do inverno na...