Conheça a Medina Azahara em Córdoba

Na cidade de Córdoba, Andaluzia, está a “cidade da flor” ou em seu nome original Medina Azahara. Uma cidade construída no século X que levou o nome da favorita de seu idealizador Abd al-Rahman III, mas que teve um forte contexto político-ideológico por trás de sua fundação, já que o califa precisava construir uma cidade para provar sua dignidade, assim como nos califados orientais e também para provar seu poder frente aos seus inimigos ao norte da África.


Ao visitar Córdoba, este é um local a conhecer.  Fica a apenas 8km, 10 minutos, do centro da cidade, tanto de carro quanto de ônibus.  O local está aberto a visitação, exceto alguns ambientes que estão em processo de restauração e outros que estão sendo escavados para estudo arqueológico (somente 10% da construção é conhecida!) e posterior abertura ao público.  As ruínas hoje fazem parte da história muçulmana na Espanha e é um bem de interesse cultural, similar ao título de patrimônio histórico que temos aqui no Brasil.
A antiga cidade era cercada por muros e formada por três níveis, o mais alto era onde vivia o califa, seguido pela zona oficial onde haviam jardins, a área administrativa, o salão rico – destinado a recepções de embaixadas e cebrações anuais – e a casa dos visires – cujo o destino ainda é uma incógnita. O terceiro nível da Medina Azahara era onde vivia a população e onde também se encontrava a mesquita Aljama.

O local que recebera o nome de sua favorita e que pretendia mostrar o seu poder não durou muito. Tudo se transformou em ruínas apenas 70 anos depois de sua construção, dada a guerra civil e saquementos ocorridos no início do século XI.


posts Relacionados

Os Povos Brancos de Cádiz

Um dos muitos atrativos existentes em Cádiz, na Andaluzia, são os Pueblos Blancos,...

Las Casas Colgadas de Cuenca

A mais de 900m do nível do mar está Cuenca, em Castilla-La Mancha,...